CORPO-NÃO-OBJETO - ANA AMÉLIA GENIOLI

28.02.13 a 16.03.13 - Exposição CORPO-NÃO-OBJETO de Ana Amélia Genioli

“... para falar é preciso que haja uma síntese ou uma coordenação entre a cabeça que pensa, a boca que fala, a voz que soa, as orelhas que escutam, os olhos que veem. A linguagem se constitui como síntese realizada sem a fissura de tudo isso, uma bela síntese humana, mas provavelmente uma infâmia por que essa síntese bem reconhecida cobre o que está entre. O que existe entre? Nada e muita coisa. Os limiares sob os limites. Este pequeno nada, talvez, tão crucial.” Kuniichi Uno