FERNANDO ARIAS

1963. Armenia, Quindio, Colômbia

O artista colombiano Fernando Arias investiga a condição humana em diversos contextos. Entre seus temas recorrentes estão os conflitos socioambientais e questões de identidade, sexualidade e religião. Utiliza diversas mídias como escultura, vídeo e fotografia além de realizar instalações.

Em 1994 recebeu o Prêmio Nacional de Arte da Colômbia e em 1999 representou seu país na 48. edição da Bienal de Veneza. Recebeu ainda prêmios da Prince Claus Foundation, Hivos Fund Award, London Printworks Trust Award e do Scottish Arts Council Award, entre outros. 

Entre as exposições que participou destacam-se a 3a e a 5a Bienal de Bogotá, a 5a e a 8a Bienal de Havana, a 1a Bienal de Tirana na Albânia, a 2a Bienal do Mercosul, a 9a Bienal de Fotografia de Houston (EUA), a 8a e a 9a Bienal de Cuenca no Equador, a 1a Bienal do Vento Sul em Curitiba, a FotoBienal MASP-SP e a 1a Trienal de Artes do SESC-Sorocaba,FRESTAS.

A Galeria Eduardo Fernandes realizou mostras individuais do artista em 2016, A Certeza Esta In, em 2012, Srinagar Kashmir,e em 2008, Humanos Direitos.

Seus filmes participaramem diversos festivais de cinema, como o  First Latin American & Caribbean Video Festival, o Oberhausen International Short Film Festivale o Queer Cinema: Today and Yesterday, no MoMA, em Nova Iorque.

Suas obras fazem parte de inúmeras coleções tais como do Museo Nacional de Colômbia, Daros Latinamerica, Victoria and Albert Museum-Londres, Museu de Arte Moderna de Bogotá, Universidade de Essex (UK), Museum of Contemporary Art de San Diego, Vancouver Art Gallery, Banco da República de Bogotá, além de coleções privadas no Canadá, Inglaterra, França, Brasil e Colômbia. 

Fernando Arias estudou Publicidade na Universidad Jorge Tadeo Lozano, em Bogotá, e Design Gráfico em Londres.O artista desenvolve projetos interdisciplinares em sua Foundation Más Arte Más Acción,um sistema de residências que se converteram em uma plataforma de criação para artistas e para a comunidade local, em uma pequena cidade na costa da Colômbia.  

 

Currículo      Textos de Críticos

 

EXPOSIÇÕES